Sala de Imprensa > Notícias > Goiás: Ouvidoria aproxima cada vez mais o cidadão da administração pública
Postado em: 3 de fevereiro de 2018

Goiás: Ouvidoria aproxima cada vez mais o cidadão da administração pública

A utilização do Sistema de Gestão de Ouvidoria do Governo de Goiás avançou no primeiro mês de 2018, demonstrando que os cidadãos estão a cada dia mais motivados a dialogar com o governo para apresentar sugestões, fazer denúncias, pedir informações sobre programas e serviços, registrar reclamações, fazer elogios e também para solicitar informações governamentais com base na Lei de Acesso à Informação (LAI). O sistema de Ouvidoria-geral é coordenado pela Controladoria-geral do Estado, que centraliza o processo de interlocução das pessoas com o Governo Estadual.

Em janeiro, foram recebidas 5.860 demandas sociedade, das quais 5.146 já foram finalizadas e outras 714 estão em andamento. No decorrer de 2017, a Ouvidoria registrou 40.269 manifestações da população, abrangendo as diversas áreas da administração pública. Todas as pessoas que utilizam o sistema recebem respostas às suas demandas, seja de forma imediata pelo telefone, ou posteriormente, mediante acesso ao Sistema de Ouvidoria, após tratada a manifestação. O aviso sobre a resposta é disparado para o e-mail que o cidadão cadastrou no momento em que fez a demanda.

Dentre as manifestações em janeiro, 432 foram requerimentos de dados com base na LAI. Desse total, 339 foram respondidas dentro do próprio mês e outras 93 seguem em tramitação, com observância dos prazos legais de oferta das respostas que, conforme a lei, são 20 dias, acrescidos de outros dez em casos específicos. Em janeiro, o prazo médio para oferta das respostas foi de 11 dias. Os assuntos mais demandados na LAI foram relativos a gestão de pessoas, questões salariais, orientação tributária/serviços diversos e dificuldade de acesso a algum bem público ou serviço público. Os órgãos mais demandados foram Secretaria da Educação, Secretaria da Fazenda, Detran, Segurança Pública, Agetop, Secretaria de Gestão e Planejamento, Secretaria do Meio Ambiente, Saneago, Secretaria de Saúde e Universidade Estadual de Goiás.

Atendimento geral

De todas as manifestações feitas em janeiro (5.860), 3.054 foram respondidas de imediato por meio de telefone (call center). Outras 2.806 foram transformadas em processos no Sistema, já que demandam mais tempo para atendimento. No período avaliado, foram registradas 1.374 reclamações, 553 denúncias, 30 sugestões, 386 pedidos de informações, 432 requerimentos LAI e 29 elogios. No cômputo geral, os órgãos mais demandados em janeiro foram Ipasgo, Secretaria da Educação, Junta Comercial, Secretaria de Gestão e Planejamento, Secretaria da Fazenda, Detran e Segurança Pública.

Todos os cidadãos podem dialogar com o Governo Estadual por meio da Ouvidoria-Geral. Os canais disponíveis são: Serviço de Atendimento Presencial ao Usuário, em todas as unidades do Vapt Vupt em Goiânia e no interior; pelo call center (telefones 162 e 0800 621513); pelo site da Controladoria Geral do Estado www.cge.go.gov.br; e-mail ouvidoria@cge.go.gov.br; pelos portais dos órgãos/entidades do Governo Estadual no link Ouvidoria e por meio de carta.

Informações para a imprensa:

Assessoria de Comunicação da CGE-GO
Telefone: (62) 3201-5372
E-mail: paulo-ll@cge.go.gov.br
Site: www.cge.go.gov.br

Mais informações sobre o Conaci:

Ane Ramaldes
Assessora de Comunicação
E-mail: comunicacao@conaci.org.br
Telefone: (21) 97500-4402