Sala de Imprensa > Notícias > Distrito Federal: Controladoria-Geral adota avaliação IA-CM no planejamento estratégico e no Acordo de Resultados do GDF
Postado em: 12 de janeiro de 2016

Distrito Federal: Controladoria-Geral adota avaliação IA-CM no planejamento estratégico e no Acordo de Resultados do GDF

Com a premissa de que a auditoria interna é fundamental para o aprimoramento da economicidade, da eficiência e da efetividade da administração pública distrital, a Controladoria-Geral do Distrito Federal estabeleceu o objetivo de atingir, até 2019, o nível quatro de classificação dentro da avaliação Internal Audit Capability Model (IA-CM), fomentada do Banco Mundial, o que representa escala de excelência em nível internacional.

A estratégia é ter um controle interno alinhado aos referenciais internacionalmente reconhecidos como boas práticas, o que vai possibilitar que em quatro anos a CGDF passe a fazer parte de um seleto grupo de órgãos de controle em todo o mundo. Como resultado, o Governo do Distrito Federal ampliará o grau de confiança do controle interno.

O IA-CM é um modelo de capacidade de auditoria interna para o setor público desenvolvido pelo Instituto de Auditores Internos (The Institute of Internal Auditors – IIA). Sua estrutura identifica os fundamentos necessários para uma auditoria interna eficaz, apresentando níveis e estágios através dos quais uma atividade pode evoluir e melhorar os seus processos e práticas. No Brasil, o modelo vem sendo impulsionado pelo Conselho Nacional de Controle Interno (Conaci), com apoio do Banco Mundial.

O modelo prevê macroprocessos-chaves, que devem ser alcançados pelo órgão de controle interno em cada um dos níveis, que variam de um a cinco – Inicial, Infraestrutura, Integrado, Gerenciado e Otimizado -, como forma de garantir que ele atue nos padrões exigidos internacionalmente.

A avaliação consiste na aplicação do modelo IA-CM por equipe de auditores treinada pelo Banco Mundial para esta finalidade. Servidores da Controladoria-Geral fizeram o treinamento e um grupo de trabalho será instituído em janeiro deste ano com a missão de cuidar do projeto que envolve a análise de seis elementos em cada um dos cinco níveis de avaliação: serviços e papel da auditoria interna; gerenciamento de pessoas; práticas profissionais; gerenciamento do desempenho e prestação de contas; cultura e relacionamento organizacional; e estruturas de governança.

A implantação do IA-CM vai possibilitar ao Governo do Distrito Federal a institucionalização de um controle interno eficaz, eficiente e efetivo, o que vai agregar enorme valor a gestão pública distrital.

O auditor de controle interno Paulo Ribeiro Lemos, que participou do treinamento, explica que tais elementos são avaliados em cinco níveis de capacidade, que vão do inicial ao otimizado. “Estamos no nível dois e foi adotado como objetivo no planejamento estratégico de 2016-2019 da Controladoria-Geral, a cada ano a elevação do nível de classificação dentro da avaliação IA-CM”, diz.

O subcontrolador de controle interno, Lúcio Carlos de Pinho Filho, menciona que “será empreendido um plano de ação. A equipe da auditoria interna está focada em implementar as ações, atividades e componentes do modelo IA-CM. Assim, será possível ter uma melhoria contínua da gestão. Além disso, todo este esforço terá um reflexo em futuro próximo, onde o Distrito Federal será bem avaliado por organismos internacionais por ter um controle interno certificado por normas e padrões de excelência, o que implica em solidez e plena capacidade de auditar a aplicação de recursos”.

Por sua vez, o controlador-geral Adjunto esclarece que “a internalização do modelo IA-CM foi encampada de forma efetiva pela Controladoria-Geral do Distrito Federal, passando a fazer parte dos indicadores estratégicos da CGDF e do Acordo de Resultados do Governo do Distrito Federal, conforme decisão do controlador-geral do Distrito Federal, Henrique Morais Ziller”.

 ——————————–

Informações para a imprensa:

Assessoria de Comunicação da CGDF
E-mail: ascom@cg.df.gov.br; cristiane.pitta@cg.df.gov.br
Telefone: (61) 2108-3396 / 3208 / 3207
Site: www.cg.df.gov.br